terça-feira, 12 de outubro de 2010

POEMA PARA CRIANÇAS

(Desenho para o poema de Murilo
por Luiza Maciel Nogueira)


"NÃO"
por Hilton Valeriano



"O Murilo sempre dizia não.

Não para o pente
Não para o Sente!
Não para o pudim
Não! Não sem fim...

O Murilo sempre dizia não.

Até que um dia
o Murilo descobriu
que não podia
o que não devia
e assim o Murilo
aprendeu o sim."




4 comentários:

Zélia Guardiano disse...

Lindo, singelo, ingênuo, com carinha de criança...
Adorei, querida!
Abraço.

Marcantonio disse...

Agora o Murilo sorri, assim sim!

Beijo.

Assis Freitas disse...

de tanto não, virou sim


beijo

Mai disse...

Não importa qual o tema, o poeta ou o poema - tua arte, é assim como teu nome, é permeada de Luz.

abraços, Luiza