sábado, 30 de abril de 2011

Mínimo



às vezes o silêncio

convoca os lábios
reveste o manto
de segredos

só o tempo
despe a verdade
um dia um milímetro
se revela

(universo)




15 comentários:

Sam disse...

quando o mínimo me diz tudo, escuto o meu silêncio que, de tão forte, grita.

Lindo, Lu, lindo!
Meu carinho,
Samara Bassi.

AC disse...

Conhecer e aprender não é coisa momentânea, e o tempo, na sua aparente animosidade, é sempre aliado precioso para quem busca. Desde que entenda e aceite a sua relatividade.

Beijo :)

Catia Bosso disse...

'Segregar com o silêncio é uma virtude...
Contemplar seu segredo no silêncio é um privilégio...
O segredo pode ser uma faca de dois gumes, mas eu aceito!'
Bela reflexão encontrei no seu poema,

bj.

Geladeira disse...

O tempo é o grande elo pra todas as questões!

Adorei!

Celso Mendes disse...

Mínimo tempo segreda vida.

belo!

beijo.

O que Cintila em Mim disse...

Que todo o segredo possa ser um dia revelado.

Leonardo B. disse...

[do silêncio, o único verso que em si tudo condensa, tudo contém, para se devolver em letra a letra, palavra]

um imenso abraço, Luíza

Leonardo B.

Canteiro Pessoal disse...

Su, que riqueza de palavras e juntamente, com a tela tão expressiva, amei, e maravilhada por ter o prazer e privilégio de conhecer mais um espaço contendo tamanha formosura.

Luiza, parabéns!

Priscila Cáliga

Assis Freitas disse...

o átomo, o quantum, o princípio do mínimo


beijo

Suzana Martins disse...

Pri, eu sabia que vc ia ficar encantada com os versos da Luiza. Ela é realmente incrível!!^^

O silêncio, abrigo do sentimento..

Beijos Lu!

Júlio Machado disse...

Silêncio, sagrado silêncio...
Luiza Maciel, silenciosamente se faz poesia, silenciosamente nossas poesias comungam entre si e entre todas as notas musicais.
Abraços poéticos e parabéns; parabéns po existires.

Jorge Pimenta disse...

cânticos silenciosos acendem verdades onde o tempo é apenas passageiro e não toda a composição.
beijos, querida luíza!

Renata de Aragão Lopes disse...

Bonito...

Tatiana Kielberman disse...

Oi Luiza!

Adorei conhecer seu cantinho e voltarei mais vezes!!

Beijo carinhoso, lindos versos!

Lu disse...

A vida é um doce mistério e observá-los é pra poucos. bacio