Música!

sábado, 6 de agosto de 2011

Amoroso



penso em olhos
de mares distantes
repletos de flores
Inexplicáveis
gelam os cílios
do Pássaro solitário
em busca da quietude
dos vendavais
quando tocam ramos
e folhagens
mesmo no inverno
de tudo...





Um comentário:

renata.ferri disse...

Gostei das poesias!

:)