sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Poetássaro


(para Eugenio Sorel)


o sorriso do palhaço
faz caminho onde a poesia mora
e as crianças riem soltas
quando dançam sob teus olhos
dançarinas atingem o brio
quando lançam cometas
em truques de mágica,
no teu verso equilibrista
em palavra contorcionista
de poema voador

(Mia Alari)

veja o amigo secreto inteiro em:
http://tremdalira.blogspot.com/



5 comentários:

Ana disse...

adorei a ilustração do poema Lú! beijos

Joelma Bittencourt disse...

Bela ilustração, Luiza!

Beijinho!

AC disse...

Os seus desenhos são maravilhosos, Luiza!

Beijo :)

Anônimo disse...

muito bonito Luiza! tenha um feliz Natal!

Assis Freitas disse...

obrigado pelo poema Luiza, um voo em verso

beijo