Música!

terça-feira, 31 de julho de 2012

Para acolher uma lágrima

um dia qualquer
desses que passam rápido
uma lágrima cai
e nem vejo o pássaro
que nela habita

há dias qualqueres
que não vejo a hora de terminar
para um outro dia surgir
intacto...
e então quem sabe no outro
verei o pássaro voar
daquela lágrima
se transformar em sorriso
no céu de tantos mistérios

17 comentários:

Mirze Albuquerque disse...

Belíssimo, Luiza!

Uma lágrima cai e nem vejo o pássaro que nela habita. Esses dias assim, acontecem, mas são horríveis. Ainda bem que você existe para dar seu toque de beleza e arte.

Beijos

Mirze

Adriana Aleixo disse...

Uma beleza, lu! Todo o poema e o pássaro que dentro da lágrima...
Ah! esses dias...
Muito bela toda sua arte.
Beijinho!

Thuan Carvalho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Assis Freitas disse...

e quem não se sente acolhido em tanto verso alado,


beijo

dade amorim disse...

Lindo lindo, Lu! A ideia do pássaro dentro da lágrima é linda e original.

Beijo beijo.

Cristiano Marcell disse...

O poema é tudo!

O desenho ficou muitíssimo bom!

Tania regina Contreiras disse...

Agora haverei de sentir o ruflar das asas em cada pranto: lindo, Lu!

Beijos.
P.S. Estou voltando aos poucos à blogosfera, depois de um tempinho bom me recuperando da saúde.

Thuan Carvalho disse...

Que lindo.
Seu final é espetacular.
quantos mistérios guardará* o céu.

Jorge Pimenta disse...

pequenas metamorfoses, grandes epifanias: tudo para viver espantado e não morrer de espanto.

beijinho, querida amiga!

Fred Caju disse...

...E eu deixei de ver tantos pássaros...

Ira Buscacio disse...

ah, Luiza, que imagem!
Fiquei imaginando quantas gaiolas podem existir numa lágrima...
Bj imenso e boa semana

Bípede Falante disse...

quanto simbolismo nos seus desenhos e nas suas palavras.
repercutem tanto em mim.
beijoss

Cris de Souza disse...

Tanto o poema, quanto o desenho são de encher os olhos...

Beijo, Lu!

Fernanda Fraga disse...

Perfeitos Lú. Meu Deus!
Um beijo.
Fer.

Marcelo R. Rezende disse...

Estava procurando por algumas na internet, hoje, e me deparei com uns desenhos LINDOS. Seus. Entrei no blog e então descubro que além de desenhar, você também escreve. Apaixonado pelo teu canto.

Antonio Carlos disse...

Dias assim, nos fazem crescer, por pior que seja o sofrimento, dias assim são a nossa defesa, lindo mesmo eu gostei! Parabéns! Abraços

Daniela Delias disse...

Tudo aqui é tão delicado e bonito!

Beijo, Lu!