sábado, 10 de junho de 2017

Intuição


quando o coração sussurra
"Vá por ali"
é para lá que deves ir
entregar ao tempo a fruição de ser irracional
fechar os olhos e ver claramente
tatear a escuridão no fundo dos abismos
sorver a ânsia de ser cria da terra
um pedaço da eternidade do mundo
um grão de flor da areia desse deserto
que dança com o vento 
ao redor da tempestade 
junto com os seus 
pequeninos grãos dançantes
dispersos na dor de ser temporal
e assim abrir o coração 
ao movimento incessante 
da vida em caos
com um sorriso nos lábios 
ao chorar rios de mudos absurdos
desse delírio coletivo que nomeamos mundo
sem palavras ela nos silencia 
e assim a indescritível força nos toma
"Vá por ali"
e é preciso seguir

Luiza Maciel Nogueira

Desafio Poético-Temático: Intuição
Tânia Regina Contreiras
Imagem/Web

3 comentários:

Maria Rodrigues disse...

Que a nossa intuição nos leve sempre pelo caminho sonhado.
Lindo poema.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

alegriadeviver.blogspot.com.br disse...

Sempre bom seguir a voz do coração; gostei dos versos... tocantes!
Esse blog estava sem postagens, eu havia fechado, mas resolvi ativá-lo.
Desculpe , nem lembro se agradeci sua visita; se fiz , agradeço novamente.

conheça minhas outras páginas:

https://afetocolorido.blogspot.com.br

https://simplicidadeempoesia.blogspot.com.br

https://experimentalailabrito.blogspot.com.br/


bjs no core.

Carla Diacov disse...

saudades dos desafios da Taninha... me senti/me vi tão atropelada pelos afazeres no fb... acabo que não consigo estar em todos os lugares que quero :/
lindo poema, querida Luiza! <3