Música!

...

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Passarinho no ar

passarinho no ar
estive a escutar as coisas mais lindas que deixastes por aí
passarinho no ar, voa voa sem voltar
o céu é grande e maior ainda é o teu sorriso
passarinho no ar, voa voa para continuar a versar
poema teu destino, espalha teu pranto,
tua alegria, teu desejo, teu amor
na contínua poesia da vida
eu colho teus versos no coração
dia vai dia vem cada dia de um jeito
escuto novamente e então ouço
o que nunca ouvi
que aqui bate agora timidamente
não te digo
mas bate aqui agora...
como se nunca batera antes
numa sinfonia de liberdade
passarinho no ar, voa voa
canta até se esbaldar
que o canto que encanta
guardo no canto que me espanta
revoa até espalhar
o canto que no canto teve seu entretanto
e agora é mesmo esse tanto
nesse enquanto...



2 comentários:

Maria Rodrigues disse...

Que o passarinho aproveite bons ventos e voe em plena liberdade.
Lindissimo poema
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

AC disse...

Deliciei-me com esse canto íntimo, enquanto as asas não deixam de bater...

Abraço :)