Música!

...

sexta-feira, 20 de abril de 2018

venho a invocar a palavra amor

venho a invocar a palavra amor
de todos os mares, de todas as flores
de todos os silêncios, de todas as músicas
dentro das conchas, dentro das cavernas
dentro do sangue, dentro da pele
de toda esperança que dança nos ares
venho a invocar a força do amor
dos ventos, dos tempos e dos raios solares
a arrancar cada uma das ervas daninhas
que estão paradas como parasitas
a impedir ao amor que se espalhe
venho a invocar a palavra amor
não de qualquer amor nem de qualquer jeito
não superficialmente, nem da boca pra fora
venho a invocar a palavra amor
para que ecoe eternamente dentro de ti
uma nova revolução
um novo sonho
um novo olhar



4 comentários:

Pedro Coimbra disse...

Apetece comentar, amor é...
Boa semana

Graça Pires disse...

Invocar a palavra amor e deixar crescer nas mãos a flor de todos os afagos...
Muito belo, o poema!
Uma boa semana.
Um beijo.

Vannara rath disse...

I see your blog daily, it is crispy to study.
Your blog is very useful for me & i like so much...
Thanks for sharing the good information!
winwin login

Vannara rath disse...

I see your blog daily, it is crispy to study.
Your blog is very useful for me & i like so much...
Thanks for sharing the good information!
winwin login