Música!

...

terça-feira, 14 de maio de 2019

Poema acaso algum dia leias

quisera findar a distância
aproximar o sol das retinas
escutar o som da poesia
pudera alimentar
uma senda de encantos
dar continuidade ao amor
um amor capaz de ser
sem explicação, sem lamentos
sem palavras, apenas poesia
pudera ficar na intimidade do beijo
que estala no corpo e acende desejos
pudera ser amor e a poesia pulsava




2 comentários:

Graça Pires disse...

"um amor capaz de ser
sem explicação, sem lamentos
sem palavras, apenas poesia"
Gostei imenso.
Uma boa semana.
Um beijo.

rosa-branca disse...

Puderas ser a poesia a estalar na alma. Poema muito belo. Beijinhos